skipToMain
Siga-nos:

A Volta está quase na estrada mas já não chega ao Campo de Benlhevai

Redação
Ciclismo \ quarta-feira, agosto 03, 2022
© Direitos reservados
A Volta a Portugal passou em Guimarães pela primeira vez há 90 anos. A primeira chegada só em 1935. Desta vez não passa por cá, mas sai para a estrada amanhã com José Mendes no pelotão.

Há 90 anos a Volta a Portugal percorria pela primeira vez os ramais da cidade. “Eram duas e vinte minutos quando a cidade foi atravessada pelo primeiro pelotão”, escrevia, em setembro de 1932, o Comércio de Guimarães. Em 2022, a prova-rainha do ciclismo português não passa por Guimarães. E longe vão os tempos em que até terminava uma das etapas na cidade berço. O último a erguer os braços sob olhar vimaranense foi Paulo Pinto, já lá vão 29 anos.

A primeira chegada em Guimarães acontece à 6.ª edição da Volta, em 1935. Os ciclistas partiram de Pedras Salgadas, percorreram 161 quilómetros, e no fim ganhou Filipe de Melo. O triunfo está documentado na imprensa local. “Os ciclistas foram recebidos por uma multidão de muitos milhares de pessoas que estacionava no Campo de Benlhevai e nas suas imediações”, lê-se no Notícias de Guimarães. No dia seguinte, o pelotão segue para o Porto, partindo da atual Alameda de São Dâmaso.

Há uma grande presença de Guimarães na Volta a Portugal durante a década de 70. Aliás, entre 1967 e 1974 há pelo menos uma chegada a Guimarães em cada uma das edições. A pegada vimaranense vai desaparecendo: uma chegada na década de 80 e outra em 90.

José Mendes de regresso

A edição de 2022 da Volta a Portugal Continente começa esta quinta-feira e vai disputar-se entre 4 e 15 de agosto. O pelotão não vai contar com a W52-FC Porto, equipa que viu a sua licença desportiva retirada pela União Cislista Internacional.

O concelho vai ser representado pelo experiente José Mendes, que regressa à prova portuguesa por etapas mais antiga três anos depois da última participação. Agora a representar a Aviludo - Louletano - Loulé Concelho o duas vezes campeão nacional de estrada chega à Volta a Portugal com a Volta ao Alentejo e o GP Internacional de Torres Vedras nas pernas.

José Mendes será um dos 177 corredores atrás da amarela. O pelotão contará com as equipas continentais portuguesas, às quais se juntam quatro formações de categoria ProTeam - Burgos-BH, Caja Rural-Seguros RGA e Euskaltel-Euskadi (Espanha), Human Powered Health (Estados Unidos da América) - e cinco equipas continentais estrangeiras: BAI Sicasal Petro de Luanda (Angola), Electro Hiper Europa-Caldas (Colômbia), ProTouch (África do Sul), Trinity Racing (Reino Unido) e Wildlife Generation Pro Cycling (Estados Unidos da América).

 

Nota: Na fotografia está António Augusto de Carvalho, o vencedor da I Volta a Portugal, em 1927, em Castelo Branco. A imagem é do Arquivo fotográfico António César d’Abrunhoza.