skipToMain
Siga-nos:

Garrafas e insultos a Malheiro valem multa de 1301 euros

Redação
Futebol \ quinta-feira, setembro 16, 2021
© Direitos reservados
Comportamento incorreto do público no jogo da 5.ª jornada, frente ao Belenenses, vale multa ao Vitória. Miguel Pinto Lisboa multado por não utilizar máscara.

O Vitória SC foi multado devido ao comportamento incorreto do público na recção ao Belenenses, em jogo da 5.ª jornada. O jogo ficou marcado por diversos incidentes, que valeram várias multas ao clube.

No mapa de castigos é descrito que os adeptos do Vitória, nomeadamente na Bancada Topo Sul e na Bancada Nascente, arremessaram três garrafas e quatro copos de plástico ao árbitro, sem o atingir. Em duas ocasiões as referidas garrafas foram entregues ao delegado.

Por outro lado, é ainda referido que os adeptos do Vitória SC, nas bancadas nascente, poente e sul, proferirem em uníssono insultos ao árbitro do encontro, Hélder Malheiro, sendo esses insultos registados por cinco ocasiões. Estes factos valeram uma multa de 1301 euros ao clube.

Já o presidente Miguel Pintos Lisboa foi multado por não utilizar máscara. É indicado que o líder máximo do Vitória foi alertado, mas terá dito “não me apetece usar” máscara, minutos antes do intervalo, altura em que desceu ao relvado. Foi multado em 607 euros.

Noutro âmbito, Alfa Semedo e Borevkovic, que foram expulsos no decorrer do jogo, têm de cumprir um jogo de suspensão.