skipToMain
Siga-nos:

João Henriques: “Quem cá veio ficou agradado”

Bruno José Ferreira
Futebol \ domingo, setembro 12, 2021
© Direitos reservados
Declarações do técnico do Moreirense FC após o empate na receção ao Famalicão, em jogo da 5.ª jornada do campeonato.

O jogo entre o Moreirense e o Famalicão foi “uma boa propaganda para a 1.ª Liga”, segundo João Henriques, treinador do Moreirense. Após o jogo o técnico valorizou o espetáculo, sublinhando que quem assistiu ao jogo ficou agradado.

“Quem veio aqui hoje ficou agradado com o que viu. Foi um bom jogo de futebol e uma boa propaganda para a 1.ª Liga, com equipas que estão no fundo da tabela: jogaram ao ataque e marcaram golos. Nós, treinadores, gostamos de marcar dois golos e de não sofrer nenhum, mas este resultado é fruto da qualidade. É de valorizar a intensidade num jogo sob muito calor. Não diria que há justiça ou injustiça. Creio que o resultado se adequa ao que se passou dentro de campo. As nossas oportunidades foram mais perigosas e não estamos satisfeitos, mas este jogo teve equilíbrio e nenhum das equipas merecia perder o jogo”, disse.

João Henriques fez, depois, a sua análise ao jogo: “Houve uma entrada melhor do Famalicão. Com essa entrada melhor, soubemos tirar partido de uma chegada à área para conseguir uma grande penalidade e ficar na frente. O Famalicão teve uma boa reação ao golo sofrido e não soubemos gerir o jogo para que evitássemos o empate. Do empate até ao final da primeira parte, o jogo ficou mais dividido. Depois de sofrer o segundo golo, o Moreirense esteve sempre por cima até aos dez minutos finais. Sabíamos que não poderíamos sofrer na transição. Isso aconteceu em casa, com o Braga. Estão aqui duas equipas que vão fazer muitos pontos no campeonato: têm intervenientes de qualidade e coletivos muito fortes”.

Ainda sem vencer, o técnico acredita que a sua equipa vai dar uma resposta, escudando-se na qualidade de jogo apresentada até agora. “O grupo sabe que, apresentando-se exibicionalmente como tem feito, as vitórias vão aparecer. Fizemos resultados não tão bons como as exibições. Em cinco jogos não há um em que se diga que a equipa não esteve tão bem. A equipa joga, trabalha e cria oportunidades, que é o mais difícil no futebol”, vincou.