skipToMain
Siga-nos:

José Mendes regressou combativo e terminou Volta no 48.º lugar

Redação
Ciclismo \ terça-feira, agosto 16, 2022
© Direitos reservados
No regresso à corrida que marca o verão velocipédico português, representante vimaranense envolveu-se em várias fugas, mas sem conseguir a almejada vitória de etapa.

Três anos depois do 79.º lugar pelo Sporting/Tavira, José Mendes regressou à Volta a Portugal com uma combatividade revigorada que o levou a participar em várias fugas, sem, no entanto, lograr a ansiada vitória de etapa.

Ao serviço da Aviludo/Louletano/Loulé Concelho, o campeão nacional de estrada em 2016 e em 2019, presença nas edições de 2014 e de 2015 da Volta a França, terminou a corrida no 48.º lugar entre 105 corredores, com um tempo de 39:33.36 horas, a 55.05 minutos do camisola amarela e vencedor Mauricio Moreira (Glassdrive/Q8/Anicolor), mais forte do que o colega de equipa e segundo classificado Frederico Figueiredo no contrarrelógio entre Porto e Vila Nova de Gaia, que encerrou a competição.

O ciclista de Pevidém, que, a nível internacional, tem o 22.º lugar na Volta a Espanha de 2013 como o resultado que mais o distinguiu participou pela quinta ocasião na Volta a Portugal, corrida na qual a melhor classificação data de 2012: obteve o 18.º lugar. Em 2008, foi 40.º, em 2010, foi 67.º e, em 2019, foi 79.º.