skipToMain
Siga-nos:

Quase nove anos depois, João Sousa deixa de ser o melhor luso na tabela ATP

Tiago Mendes Dias
Ténis \ segunda-feira, maio 24, 2021
© Direitos reservados
Vimaranense caiu para o 113.º lugar na atualização desta segunda-feira, tendo sido ultrapassado por Pedro Sousa. O pico do tenista no ranking foi o 28.º lugar, em 2016.

O reinado do conquistador perdurou por ininterruptos 104 meses: entre 10 de setembro de 2012 e 23 de maio de 2021, João Sousa foi o tenista português mais bem classificado no ranking ATP, antes de perder esse estatuto nesta segunda-feira. O vimaranense caiu para o 113.º lugar, com 714 pontos, tendo sido ultrapassado por Pedro Sousa, agora 111.º do circuito, com 726.

O tenista de 32 anos ocupava o 66.º lugar há um ano, quando a competição estava parada devido à pandemia de covid-19, e exibe um rendimento descendente desde que os torneios regressaram em agosto último, com várias eliminações à primeira ronda nos torneios deste ano – as melhores prestações ocorreram no ATP 250 de Belgrado (Sérvia), em abril, e no ATP 250 de Lyon (França), em maio, com percursos até à terceira ronda.

João Sousa atingiu o pico na tabela ATP em 16 de maio de 2016, quando se cotou como o 28.º melhor tenista do mundo, após ter chegado aos quartos de final do Masters 1000 de Madrid. O atleta de Guimarães venceu ainda três ATP 250 na carreira: Kuala Lumpur, em 2013, Valência, em 2015, e Estoril, em 2018, tornando-se no primeiro português a vencer o principal torneio em solo luso.